Renovação


E de repente tudo se tornou mais leve. Nada mais abala a estrutura da minha vida. Tampei as rachaduras, consertei os trincados, pintei as paredes manchadas e troquei as chaves. Ninguém entra sem bater e só sai quando eu abrir a porta. Todos os meus sonhos estão plantados no jardim, cultivo somente o que embeleza minha alma. Fiz uma faxina, joguei algumas coisas fora, outras se diluíram com o tempo e algumas se perderam no meio da própria bagunça. Renovei os enfeites dos meus sorrisos, mudei os móveis de posição, troquei os lençóis que protegiam a minha paz e aprendi a customizar sentimentos bons. Às vezes eu gosto de olhar pela janela para observar o que acontece lá fora, nas coisas que deixei livres e não voltaram. Reparo nos detalhes, busco a tranquilidade quando percebo o que não me faz falta. Em seguida, ao olhar para o céu eu peço mais espaço para cultivar sementes do bem, mesmo que isso sirva para quem um dia me fez mal. Peço mais calma para chegar e mais delicadeza ao andar. Eu não espero conseguir tudo que desejo, pois aprendi que o que mereço Deus um dia vai me dar. 

Maíra Cintra

4 comentários:

Marina Cintra disse...

Lindooo lindo!! Amo VC!

Sônia disse...

Maíra a cada inspiração uma lição! Adoro tudo que vc escreve.

Thais Campidelli de Freitas disse...

Tão bonito e sincero o seu texto.

Todos precisamos desses momentos pra construirmos a nossa própria paz!

Que você continue a espalhar sementes de bem por onde passar.

Um beijo

Thatá

Juliano Gomes disse...

Realmente lindo o que você escreve, transborda coisas boas... Parabéns! Vi teu blog pelo Tinder, da um curtir pra mim também!!! ;) Juliano