Venho por meio desta.

Venho por meio desta deixar os meus sinceros agradecimentos a este ano que está se acabando e comunicar o quanto ele me ensinou a ser forte diante das minhas fraquezas, como se enxerga as mentiras disfarçadas de verdade, como não desistir no meio de tantos problemas, como encarar um dia difícil e sorrir no dia seguinte. Venho agradecer as novas pessoas que colocou no meu caminho, as que tirou por incompatibilidade de caráter e dizer o quanto aprendi a não ser como elas. Estou grata pelas dificuldades ultrapassadas e preparada para encarar outras no ano que vem. Venho agradecer pela pessoa que me fez tornar e dizer o quanto tenho que melhorar. 

Eu admito que no começo me culpei absurdamente pelas coisas que desperdicei e resolvi correr atrás do prejuízo, mas de alguma forma eu acabei ganhando em cima disso. Descobri que não seria necessário me doer tanto e aprendi a me doar mesmo tendo pouco. Mas foi absurda a forma como tive que lidar com a minha coragem achando que eu não tinha nenhum pingo dela, até que de alguma forma pude perceber o quanto tirei dela para crescer e sobreviver. Que essa história de viver um dia de cada vez não fazia-me sentido até achar um sentido para viver.

É com uma enorme esperança no peito que venho novamente agradecer a este ano e desejar boas vindas ao próximo. É absurdamente infinita a vontade que sinto de fazer tudo dar certo depois do dia 31 de dezembro e de fazer milhões de coisas ao mesmo tempo. De ficar livre das minhas obrigações e de mostrar tudo que aprendi. Um desespero incabível de me divertir, de me entregar, de me profissionalizar, de alimentar meu ego, minha alma e meu cérebro. É com um sorriso no rosto e uma alegria enorme que venho informar, que estou falando sério, não estou aqui para brincar. 

Maíra Cintra

5 comentários:

Ana Beatriz disse...

Como sempre arrasando com a sua sensibilidade. Parabéns! Lindo!

Heitor Regiani disse...

e que depois de 31 de dezembro seja tudo ainda melhor né

Anônimo disse...

Maravilhoso! Você escreveu tudo que eu precisava ler nesse momento. Parabéns, Maíra pelo texto.

Karine disse...

Oiee flor, quanta saudade deste canto lindo que me inspirou tanto... Ando meio sumida, e ano que vem estarei por fora... Mas vim desejar um feliz natal. E dizer que os seus textos me inspirarão bastantes. Mas não vou abandonar meu blog.
Beijo, Deus abençoe
asoonhadora.blogspot.com

Rejane Ferreira disse...

Belos agradecimentos! Que seu 2014 seja repleto de Paz, Amor, Realizações e principalmente de Pensamentos como este. Que você continue a compartilhar conosco de sua maravilhosa escrita.

Beijo e muito sucesso no próximo ano! =)