Seja você.

Apaixone-se por uma pessoa, mas primeiro apaixone-se por você. Apaixone-se pela sua vida. Ponha-se em primeiro lugar. Faça por você, fale por você, chore somente por você e pelo que realmente vale a pena. Enfim, viva por você. Se olhe no espelho quando acordar. Vista uma roupa bonita por você. No decorrer do dia, em algum espaço vago, pense em tudo pelo que passou e em tudo pelo que ainda pode passar. Pense no que pode vir e comece a sonhar. Mas sonhe por você. 

Sorria por você e para todos que te fazem bem. Se for ficar triste, fique por você. Seja justo com você. Revolte-se quando necessário, não a nada de errado em querer o melhor para você. Lute por você, pela sua felicidade, pela sua comodidade e acima de tudo pelos seus direitos. Saia dessa armadilha de aceitar tudo que lhe oferecerem, não viva de migalhas, nem de restos, nem nada parecido. Não force muito a barra, seja cauteloso e conveniente. Vá com calma, haja com segurança e seja persistente. Não desista fácil, nunca ache que já é tarde demais. O tempo sempre arruma um tempo para que as coisas comecem a dar certo. 

Faça certo, mas erre para aprender. O erro é essencial para viver. Não tente ser perfeccionista, as melhores coisas não são perfeitas. Faça o que gosta e se não gostar, não faça. Seja irônico, seja bravo, seja uma boa pessoa, seja paciente, seja chato. Observe, sinta. Finja de vez em quando, mas só quando necessário. Se você viver de mentiras, poderá tornar-se seu próprio adversário. Enfim, seja você, enfrente o que vier, quando puder, mas só se você quiser. 

Maíra Cintra

13 comentários:

Aline disse...

Perfeito como sempre !!! *--*

Camilla firmiano disse...

Perfeitooooo <3

Juliane Cristina disse...

Lindoo...perfeito!!!

Brunno Lopez disse...

Admiro tudo que é relacionado ao amor próprio. E esse texto tem as virtudes obrigatórias a se seguir nesse quesito. Muitas vezes a pessoa deixa se levar pelo que acredita sentir e abre mão dos próprios sonhos e anseios.
Antes de tudo, é sempre o que a gente quer. Você deixou isso bem claro.

Anônimo disse...

Que belo texto! Minha cara.
Tenho acompanhado o blog e me identifico com vários de seus textos.

Arianne Barromeü disse...

Sim, Maíra... É desse jeito. A gente tem que se permitir amar a nós mesmo primeiro antes de nos envolvermos. Há todo um ciclo... E primeiro precisa sair de dentro de nós. Adorei o texto. ^^

Beijos, Arih!
eppifania.blogspot.com.br

Maria Clara disse...

Lindo, precisava ler algo desse tipo. Me inspira e me fortalece.

Bjs
http://transformesecomlinhastortas.blogspot.com.br/

AquilesMarchel disse...

primeiro temos que nos tornar uma melhor versão dn ós mesmos aí então amar com perfeição
se é que isso é possível

Ana Beatriz disse...

Mulher, vc escreve muito. Não liga para esses comentários de pessoas que não sabem diferenciar o que é ser e o que é escrever.

Continue assim!

Débora Gomes disse...

Muito fácil chegar até aqui e se encantar. Difícil é chegar até aqui, criticar sem mostrar a cara. Não ligue. Você escreve muito! Bjos

Anamaria Galvao disse...

Gostei do post, muito interessante

Dilly Monnete disse...

Palavras de Ruth Rocha que li antes dos meus quatro anos de idade: "Quem não agrada a si mesmo, não pode agradar a ninguém."
Sabedoria que me inspira até hoje.
Como seu texto (:

Christine Gomes disse...

Adorei! Não há coisa melhor do que começar a fazer por você. Você em 1º Lugar, mandou muito bem!! ;)