Com os olhos abertos.


Eu costumo ver a vida com os olhos bem abertos, por isso, desconfio das coisas porque eu não só as já vi como as já senti. Sim, já senti que estava até morrendo de amor, mas decidi nascer para a verdade e acabei sentindo a dor. A vida é assim mesmo, essa confusão de sentir e ver, de errar e aprender, de fingir não saber. Mas prefiro encarar a realidade mesmo que doa, de olhos bem abertos e com os pés no chão. Um dia, quem sabe, não precisarei desconfiar de tudo para poder descobrir o que foi de verdade e o que passou em vão.


Maíra Cintra

2 comentários:

Mariana Souza disse...

Oii, lindo blog.

Parabéns!!!

Segue??? Sigo de volta
com muito carinho :)

Bjo

http://meuryss.blogspot.com.br/

Yohana Sanfer disse...

Reflexivas palavras Maíra...é sempre bom vir aqui! bjs