Dias de chuva

Assim como os dias de sol, os dias de chuva também tem sua beleza. A chuva vem para lavar a alma e nos purificar por dentro. São exatamente nos dias cinzentos que eu entro em mim e tomo conhecimento de toda minha dor. Dias assim, nos distancia do resto do mundo e tornam mais intensos os sentimentos. Ao rever momentos e sentir tudo novamente, as lágrimas vão percorrer e lavar minhas lembranças como a chuva lava minha vidraça, lava a rua, lava a calçada. Nos dias de chuva que minha vontade de me acolher em seu colo é maior, no frio dos dias de chuva que a loucura pelo calor do seu corpo me atormenta, a saudade por você aumenta. Nos dias de chuva, eu me entrego à minha solidão e não me basto.

Maíra Cintra

Um comentário:

Mellisa Schaeffer disse...

Que pena não dá pra copiar...